NOVO
Ciência e Tecnologia

Riscos Globais e Biodiversidade

Nº 114 | agosto 2021

Maria Amélia Martins-Loução

*Desconto de 50% nos artigos assinalados e de 10% nas novidades. Portes de envio grátis para Portugal Continental e Ilhas.
Sobre
Ver

Sinopse

Sabia que vários trabalhos científicos e relatórios internacionais denunciam que se assiste hoje a uma extinção em massa inédita no planeta? E que grande parte dos riscos globais se deve à sobre-exploração dos recursos naturais provocada pelo aumento da população mundial? Este ensaio defende que a perda de biodiversidade é ainda mais alarmante do que as alterações climáticas. Sob este prisma, e porque está tudo interligado, relembra e relaciona alguns conceitos sobre o metabolismo energético e as mudanças no clima, a escassez de reservas e o excesso populacional. É uma chamada de atenção, esclarecedora e firme, sobre a urgência em olhar a biodiversidade e a sua conservação como medida de travagem dos riscos planetários que o Homem induziu ao longo da sua evolução.

Autoria

Coordenação e autoria

  • Maria Amélia Martins-Loução
    Bióloga, professora catedrática aposentada da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, investigadora no Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3c) e presidente da Sociedade Portuguesa de Ecologia. Doutora em Biologia e agregada em Ecologia, tem um mestrado em Comunicação de Ciência. É autora de mais de 250 títulos (capítulos, livros, artigos e textos de divulgação).

Partilhar

Relacionados

1 /