Educação

O Ensino da História

Nº 28 | setembro 2012

Gabriel Mithá Ribeiro

* 10% desconto incluído. Portes de envio grátis para Portugal Continental e Ilhas.
Sobre
Ver

Sinopse

Nas sociedades ocidentais da actualidade, muito mais do que limitações ao nível dos recursos materiais e humanos, é no domínio cultural ou ideológico que residem os maiores bloqueios. Um dos mais importantes factores explicativos dessa situação é a herança secular do materialismo dialéctico que, ao penetrar no pensamento de senso comum um pouco por todo o mundo, tornou-nos a todos, de uma ou de outra forma, depositários de versões (ultra)simplificadas das teorias de Karl Marx. Tendemos a não duvidar que as condições económicas determinam muito daquilo que pessoas e grupos são ou valem. Se há nisso uma inegável verdade, andamos há muito a exagerar na dose, o que nos arrasta para vícios de percepção da realidade. Quanto maiores os recursos materiais, maior a tentação de se deitar dinheiro para cima dos problemas. Em muitos casos, essa atitude agrava as dificuldades porque alimenta bloqueios culturais que impedem a procura de soluções eficazes fora do ciclo materialista. O resultado é vivermos numa época de incapacidade em isolar as questões culturais das questões materiais. Desse modo, dificilmente se percebe que uma melhor regulação da vida institucional ao nível dos comportamentos e atitudes pode ser, em si, condição essencial para a melhoria sustentável do bem-estar colectivo.

Autoria

Coordenação e autoria

  • Gabriel Mithá Ribeiro
    Gabriel Mithá Ribeiro nasceu em 1965, em Moçambique. Vive em Portugal desde 1980, onde concluiu os estudos. Primeiro, a licenciatura em história pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Mais tarde, o mestrado e o doutoramento em estudos africanos pelo ISCTE-IUL (Lisboa). Publicou trabalhos académicos no domínio dos estudos africanos e ensaios sobre o ensino. Professor de história do ensino secundário desde 1991, em 2010 tornou-se bolseiro de pós-doutoramento da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT, Lisboa).

Partilhar