A não perder

Economia e Políticas Económicas

Novo documentário "Nós, Portugueses"

Veja o novo documentário da série “Nós, Portugueses”. Em “Partir para não chegar”, revela-se a lotaria económica, social e familiar que nos marca o percurso de vida e limita as hipóteses de subir no elevador social. Uma co-produção da Fundação com a RTP.
Veja aqui

Nos Media

Economia e Políticas Económicas

40 anos de «Crises na Economia Portuguesa»

Economia e Políticas Económicas

Pordata: Números da Crise

Destaques

Economia e Políticas Económicas

Novo site Crises na economia portuguesa

A recessão provocada pela pandemia ameaça quebrar o recorde da última crise em Portugal, a mais longa e severa no país desde 1980. Conheça o site Crises na Economia Portuguesa, que resulta do estudo inédito de um grupo de peritos. Um trabalho que continua no acompanhamento da crise que chegou em 2020.
Economia e Políticas Económicas

Veja a entrevista exclusiva a Robert Reich em FFMS Play

Esta é uma entrevista exclusiva a um dos maiores especialistas internacionais em desigualdades económicas e ex-secretário do Trabalho dos EUA Robert Reich. Uma conversa para responder à pergunta “Para onde Vamos?”, nos 10 anos da Pordata, realizada pela RTP.

Agenda

Ver agenda completa
28 out
21:00 - 22:00
Assista no site da Fundação
Mês da Ciência e da Educação

Preparação para Pandemias

Palestra da médica infecciologista Nahid Bhadelia, da Universidade de Boston. Comentários de Filipe Froes, pneumologista e coordenador do gabinete de crise da Ordem dos Médicos para a Covid-19. Moderação do jornalista Vasco Trigo.

4 nov
21:00 - 22:00
Assista no site da Fundação
Mês da Ciência e da Educação

Porquê Confiar na Ciência do Clima, e não só?

Palestra de Naomi Oreskes, historiadora de ciência e colunista da revista Scientific American. Comentários de David Marçal, bioquímico e divulgador de ciência, e moderação do jornalista Vasco Trigo.

11 nov
21:00 - 22:00
Assista no site da Fundação
Mês da Ciência e da Educação

Genética, stress crónico e envelhecimento

Palestra de Elissa Epel, psicóloga especialista em envelhecimento e obesidade na Universidade da Califórnia, em São Francisco. Comentários de Elsa Logarinho, investigadora da genética do envelhecimento do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S). Moderação do jornalista Vasco Trigo.

18 nov
21:00 - 22:00
Assista no site da Fundação
Mês da Ciência e da Educação

Conferência GPS: Como Comunicar Ciência ao Público em Geral?

Conferência com Ana Godinho, directora de educação, comunicação e divulgação do CERN, na Suíça, e Pedro Russo, professor de astronomia na Universidade de Leiden, na Holanda. Moderação do jornalista Vasco Trigo.

Loja

1 /
COLECÇÃO OS PORTUGUESES
Questões Sociais
1,00 €
Comprar
Novo
1,00 €
Comprar
COLECÇÃO OS PORTUGUESES
1,00 €
Comprar
Colecção Os Portugueses
1,00 €
Comprar
Novo
Economia e Políticas Económicas
18,00 €
Comprar
Novo
Questões Sociais
3,15 €
Comprar
Colecção Os Portugueses
1,00 €
Comprar

Sobre a Fundação

Missão e Objectivos

A Fundação nasceu em 2009, fundada por Alexandre Soares dos Santos e família, para estudar os grandes problemas nacionais e levá-los ao conhecimento da sociedade. A criação da Fundação Francisco Manuel dos Santos visa dar resposta a uma lacuna óbvia na sociedade portuguesa: apesar da frequência com que no espaço público se discutem as mais variadas matérias, o debate em Portugal parece estar sempre mais apoiado em opiniões subjectivas e percepções individuais do que em dados sólidos e investigações cuidadosas.

Assim, a Fundação publica livros e elabora estudos, sobre temas relevantes para a sociedade, como a educação, a economia, a justiça ou políticas públicas; organiza encontros e debates onde reúne e dá a voz a especialistas nacionais e internacionais; e cria, compila e difunde dados sobre Portugal e a Europa através de várias plataformas.

O meio digital é utilizado como um instrumento chave na missão da Fundação de facultar o acesso à informação a todos os cidadãos. Todas as actividades e estudos estão disponíveis online, seja através de redes sociais, sites ou bases de dados como a Pordata. O objectivo último é contribuir para uma sociedade mais informada, reforçando os direitos cívicos dos cidadãos, a qualidade das instituições e o acerto das políticas públicas.

Saiba Mais