Questões Sociais - Política e Sociedade
A pandemia "aprofundou as desigualdades” em Portugal
A pandemia está a aprofundar as desigualdades no país. “Esta crise tornou mais patente alguma desigualdade étnica. Vemos amiúde pessoas de outras etnias a trabalhar nas ruas, que não tiverem os benefícios do confinamento”, diz o historiador António Araújo, lembrando também a clivagem do ensino oferecido agora por escolas públicas e privadas. Para o ex-director do "Expresso" Henrique Monteiro a pandemia “pôs a nu uma série de tendências, nomeadamente da desigualdade, mas também da xenofobia”.
25 abril 2020, Renascença

Partilhar